quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Oficina de Ilustração de Livros Artesanais

SECRETARIA DE IMPRENSA

Estudantes da rede municipal do Recife aprendem a confeccionar livros artesanais

Com orientação do ilustrador italiano Maurizio Manzo, os alunos fizeram ilustrações com  mensagens de Natal, que deverão ser usadas para a confecção de cartões e livros.

Cerca de 30 estudantes e professores da rede municipal de ensino do Recife participaram, nestas segunda (21) e terça (22), da Oficina de Ilustração para Produção do Livro Artesanal. A atividade foi fruto de parceria entre a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Educação, e a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), e aconteceu na Biblioteca Blanche Knopf, em Apipucos. Com orientação do premiado ilustrador italiano Maurizio Manzo, os alunos produziram mensagens ilustradas de Natal, que deverão ser usadas para a confecção de cartões natalinos e livros para distribuição em escolas públicas.

A oficina aconteceu no âmbito do Programa Manuel Bandeira de Formação de Leitores (PMBFL), que funciona em cerca de 160 escolas municipais do Recife. "Foi um desdobramento do projeto 'Conhecendo a História de Seu Bairro', também numa parceria com a Fundaj, em que os alunos pesquisaram e fizeram livros artesanais sobre suas comunidades. Agora, fomos convidados a participar da oficina sobre técnicas de ilustração, em que os desenhos produzidos farão parte de um livro", explica a coordenadora do PMBFL, Ivana Cavalcanti.

Participaram alunos e professores de biblioteca das Escolas Municipais do Coque, Nadir Colaço, Compositor Capiba e Waldemar Valente. Nas oficinas, eles aprenderam a desenvolver técnicas de ilustração a partir de recursos naturais como pigmentos, terra e folhagens. "Estimulamos cada estudante a fazer uma mensagem natalina para o mundo, com uma nova leitura para desconstruir um pouco o conceito de Natal que eles têm. Mostramos também outras versões do papai noel, como o russo, que usa roupas azuis", detalha o ilustrador Maurizio Manzo, que é italiano mas reside em Minas Gerais.

De acordo com a coordenadora da Editora Massangana, Joana Cavalcanti, a ideia é lançar o livro com as ilustrações feitas pelos alunos no próximo ano, com tiragem de mil exemplares. "Esse livro será o projeto piloto de uma iniciativa que pretendemos levar para todo o Estado. A distribuição deverá acontecer em escolas públicas e instituições sociais", afirma. Ligada à Fundaj, a Editora Massangana publica obras de áreas como educação, cultura, memória e ciências sociais, com foco preferencial na realidade das regiões Norte e Nordeste do País.

DESENHOS - Aluna do 8º ano da Escola Municipal Nadir Colaço, Ana Paula Silva Santos teve a ideia de mostrar uma cidade decorada para o Natal. "Não quis fazer um desenho tradicional. Minha ideia foi enfatizar a decoração, destacando a beleza da cidade", conta. Já Wellington Guilherme, do 6º ano, fez uma boneca vestida com roupas de Natal. "A ideia foi simbolizar a época. Gosto muito de desenhar e estou adorando a oficina".









Nenhum comentário:

Postar um comentário